Home / Consumidores / Entendendo o Diabetes / Por que episódios hipoglicêmicos podem causar mudanças rápidas no humor?

Por que episódios hipoglicêmicos podem causar mudanças rápidas no humor?

Alterações de Humor no Diabetes

Dra. Eliana Pirolo*

Ver a pessoa como um todo é enxergá-la através de muitos “olhos”, por muitas perspectivas, é refletir em múltiplas direções e, sobre este prisma, é que o genial médico Samuel Hahnemann, merecidamente considerado o “Pai da Homeopatia”, nos ensinou a “enxergar” o indivíduo na sua totalidade. Nesta ciência da observação não se aceita a noção de que um só órgão, parte do corpo ou função possam ser isolados e observados ou influenciados separadamente.

A função normal preserva e cria condições que favorecem a saúde biológica. A função orgânica alterada provoca desequilíbrio que se manifesta na conformação e estrutura dos órgãos inter-relacionados. A reação muito dependerá da genética, condições orgânicas momentâneas (Energia Vital), influência do meio ambiente e dos hábitos de vida do indivíduo; ou seja, esta especialidade médica acredita que o paciente além de herdar geneticamente a sua constituição e sua possível forma de adoecer, se desequilibra também pelos mais diversos agentes agressores e, dentre eles, os transtornos emocionais.1 post

Portanto, não podemos continuar tratando as pessoas de forma fragmentária; o indivíduo com diabetes não se resume em um desequilíbrio no pâncreas, além dos sintomas físicos locais e gerais exaustivamente comentados, ainda há muito a esclarecer no que diz respeito aos seus sintomas psíquicos, pouco valorizados nas consultas médicas.

Embora se saiba que cada ser reage de forma diferente aos efeitos da mesma causa, ou seja, nem todas as pessoas com a mesma doença reagirão da mesma forma, o diabetes pode ter muitos efeitos sobre o humor de uma pessoa. Um exemplo disso ocorre no controle da glicemia – ajustes à dieta e verificação constante do açúcar no sangue podem aumentar o estresse e, pessoas mais propensas, experimentam sentimentos de ansiedade e depressão. Episódios hipoglicêmicos podem causar mudanças rápidas no humor, tornando às mais suscetíveis se sentirem tristes, confusas, ansiosas e com dificuldade em tomar decisões. Já, as pessoas com hiperglicemia relatam dificuldade em pensar clara e rapidamente, referem nervosismo e cansaço com muita falta de energia.

As responsabilidades de gerenciar a doença e de se preocupar com as eventuais complicações podem também gerar angústia, comprometendo a qualidade de vida das pessoas com diabetes. Dizem os especialistas que a condição de saúde mental chamada angústia do diabetes compartilha alguns elementos de depressão, ansiedade e estresse.

É importante não confundir tristeza momentânea com depressão, sério distúrbio psíquico, onde o indivíduo sente que a vida não tem sentido, tem pouca energia e perde o interesse em atividades que antes sentia prazer.

De acordo com um artigo publicado no Indian Journal of Endocrinology and Metabolism, se uma pessoa tiver depressão ou ansiedade junto com diabetes, poderá aumentar a probabilidade de ter as seguintes complicações: dificuldade de cumprir um plano de tratamento do diabetes, níveis mais elevados de hemoglobina glicada, maiores taxas de internação por complicações associadas à doença, aumento do número de visitas às urgências hospitalares, aumento dos custos dos cuidados médicos.

Portanto, ressalto a importância de tratar o ser humano de forma integral; os profissionais da saúde precisam resgatar o poder de observação que foi perdido pelo excesso de tecnologia instrumentada e entender que a medicina personalizada se preocupa com o desempenho equilibrado e harmonioso de todo o sistema orgânico com as suas profundas relações com a totalidade.

*Dra. Eliana Pirolo é cirurgiã dentista, especialista em Homeopatia pela Associação Paulista de Homeopatia (APH), especialista em Saúde da Mulher no Climatério pela Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo (USP), Mestre em Ciências pela Universidade Federal de São Paulo – Escola Paulista de Medicina (UNIFESP- EPM) e Doutora em Ciências pela Universidade Federal de São Paulo – Escola Paulista de Medicina (UNIFESP – EPM).

Vanessa Pirolo

Jornalista, criadora do blog convivência com diabetes, tem diabetes desde o seus 18 anos, e redatora do Portal DBCV. Quer me conhecer melhor? Então, clique aqui!

More Posts - Website

Deixe Seu Comentário

comentários

Veja também

gene

Conheça a glicogenose e a ligação com diabetes!

O que é glicogenose? Sempre buscamos linkar diabetes com boa parte das notícias, que são ...